BRZ20IMS-LOGO-INTERMODAL-NOVO-PORT
Data (3)

Navegação por cabotagem não sofre impacto mesmo com pandemia

 

Mesmo com a pandemia do novo coronavírus, a navegação por cabotagem, que é a que se faz a distâncias pequenas, dentre de um mesmo país, não registrou impactos. A afirmação é de um levantamento feito pelo Ministério da Infraestrutura, que registrou alta de 11,3% na movimentação entre janeiro e abril deste ano, se comparado ao mesmo período no ano passado.

Segundo o estudo, o setor transportou, no total, quase 61 milhões de toneladas no período. O impacto na movimentação por cabotagem está relacionado ao crescimento no transporte de granéis líquidos e gasosos e de granéis sólidos no nos quatro primeiros meses do ano.

O setor portuário também registrou alta de 3,7% nesse período, se for levada em conta a movimentação geral. Em toneladas, o volume total transportado foi superior a 340 milhões.

De acordo com o Ministério da Infraestrutura, mesmo após o mês de janeiro ter registrado quedas de 30% no transporte de minério de ferro e soja, na comparação com o ano passado, o setor apresentou recuperação nos meses seguintes, com o minério de ferro mantendo o nível de 2019, e o petróleo e a soja impactando no resultado positivo final.

 

Fonte: Site Guia Marítimo